domingo, 24 de fevereiro de 2008

Meu problema com certas palavras

Talvez ninguém aqui saiba que, quando adolescente, eu tinha um grande talento para a escrita. Drama e ficção sempre foram meus fortes.
Creio que os poucos que sabem que eu tinha esse talento, não saibam que eu parei de escrever meus romances, contos, poesias e crônicas por um problema com as palavras. Basicamente, porque não consigo digerir algumas delas...
Mas como o assunto inicial era o problema com palavras, vamos ao assunto. Vou explicar-lhes o meu maior problema relacionado à elas.
Algumas palavras provocam sensações imediatas inconvenientes, geralmente a sensação de pânico.
Segue-se meu breve relato.

Há 7 anos atras:

Tudo começou com a Kelly... a culpa era dela, oras!
- Oh Kelly, e tua mãe, como está?
- Tá bem, tá no hospital.
- Caramba!!!!!! Ela tá doente?????

Lori, mãe da Kelly é técnica de enfermagem e eu sabia disso.

6 anos atras.
Depois, veio a Miriele...
- Miri, cadê a tua mãe?
- Tá no hospital, né? Até parece que tu não sabe!
- Ai, que que ela tem?

Graça, mãe da Miriele também é técnica de enfermagem e, lógico que eu sabia disso.

De três anos para cá:
75% de minhas colegas trabalham na área.
- Alô.
- Oi, Beli é a Rose... Como tu tá?
- Oi, Rose... Eu to bem, e tu? Isso é hora de ligar? Onde tu tá?
- Ah, Beli... é que eu to no hospital e queria te pedir um favor...
- ROSE! O QUE HOUVE CONTIGO?!?!?!?!

Roselaine é técnica de enfermagem, e eu sempre soube disso.

Há menos de um mês:
Amigos na área.
Beli diz: Gui, cadê o Gu?
Gui diz: Olha, o Gu tá no hospital, né?
Beli digita: Meu Deus, o que aconteceu com ele???

Gustavo é médico, e eu sei que ele quase mora no hospital.

Quinta-feira passada:
A Rose, de novo!
- Alô.
- Oi Beli... É a Rose, tudo bem?
- Oi Rose, to saindo da aula. Tu tá na uni?
- Não Beli, to no hospital...
- Rose, puxa vida, que foi que aconteceu?

Tá, pode falar o que quiser, até me chamar de lesada, numa situação dessas.
Mas certas palavras têm um peso negativo para mim.
Hospital é uma delas.
Mas vai dizer que a culpa não foi deles????

20 Participações especiais:

Fanny Webber disse...

heeey

eu tenho problemas com hospital tbm. Não gosto desse tipo de lugares, mas fazer o que né?

Ah, te ajudei e cliquei para tu ver um troco na conta bancária ^^

Bruno R.Ramos disse...

Um blog cabeça e muito bonito. Visite-me também no meu blog, tá?
www.brunoadult.blogspot.com

Maria disse...

Hahaha acho que eu reagiria da mesma maneira... fora que não conheço nenhum técnico de enfermagem/médico/enfermeiro etc

beijos!
www.outroblogdamary.com

Elza disse...

Vim retribuir sua visita e...AMEI seu blog!!
Comentários inteligentes e fotos muito, mas muito engraçadas (posso copiar a dos "cãezinhos"??)

Quanto à raça dos cães com a vovó, parecem ser um Schnauzer gigante, mas não tenho certeza.

Voltarei aqui mais vezes. Com certeza.
Té mais

Elza disse...

Fique a vontade, menina
E não pare nunca de escrever!

Menina Ruiva disse...

Obrigada Fanny, obrigada Bruno, obrigada Elza...
O Blog da Dona de Casa é show!
Visitem.

Anônimo disse...

culpa eh algo relativo. beijo, nelson.

Thiago Oliveira disse...

Adorei o post de hoje, e estou certo de que vc vai se manter no blog.
hehe, gostei do seu depoimento tb.

Agora uma dica sobre o adsense: coloque anuncios de quadrado, pois este meio banner não cabe no seu site e por isso não atrai click. Coloque o anúncio quadrado, pois além de caber no blog, possui mais anunciantes.
Beijos

Thiago Oliveira
Projeto Sonho

Menina Ruiva disse...

Thiago. Não vou colocar banner quadrado... o banner cabe perfeitamente ali, só vc não percebe... e outra coisa, quem disse que não atrai click?

Paty Maionese disse...

Também não gosto da palavra hospital, muito menos do hospital em si.
Visitar médico? Só se for realmente necessário.
Definitivamente eu não tenho vocação pra hipocondríaca.

Meerstempel Badist disse...

Certas palavras já dizem muita coisa, mas às vezes dizem coisas erradas. É preciso quebrar certos paradigmas.

Mudando um pouco de assunto, nó já trocamos links, agora estou com banner, você topa uma troca de banner?

Vinicius disse...

E aí, blz?

Conheça o Bicho Morto, o blog mais sinistro da blogsfera!

http://www.bichomorto.com.br

Nos vemos lá.

carla disse...

Olá, tava fussando no Soda Indie e encontrei o seu blog!! ^^ Adorei!!

Olha, se vc se acha lesada é pq vc não me conhece! Uma vez meu tio me ofereceu uma taça de vinho e eu perguntei "esse vinho é do que?" ai ele "é de tangerina" depois de um ano q eu percebi a besteira que falei...

Posso te linkar?

bjokas!
=*

_-_ Nick _-_ disse...

ahahahaha adorei!...
Realmente existem palavras que nos fazem sentir um certo "calafrio" só de escutar...Espero que isso seja normal o.O
hahaha, Adorei seu blog!!!..Bjo!

_-_ Nick _-_ disse...

Te linkei no meu blog? Tem problema?
Beijos!!

Rodrigo Dias disse...

A culpa é deles, com certeza. Minha mãe disse pra não discordar dos loucos, por isso estou concordando contigo. =D

Beijo

Nina 512 disse...

saudade da pequena vermelha...

bem, eu n tenho esse tipo de problema com as palavras
o meu eh outro.
n sei pq, mas desde sempre troco o f pelo v

o.õ

estranho n?


bjo

Zúnica disse...

Adorei teu blog! Divertidíssimo!

Booperfly disse...

Oi...
Gostei do teu blog.
Tenha uma boa semana.
Bjinhos,
Paulinha
http://www.booperfly.fairy-tales.com.br

Deisinha Rocha disse...

é sim, culpa toda deles...
eles deviam saber q é proibido a palavra hospital pra vc...