quinta-feira, 29 de novembro de 2007

Ser criança....

É notável a capacidade de ser criança. A condição de negar a idade que o tempo quer nos impor. Admiro algumas pessoas que são crianças e acompanham as crianças do seu tempo.
Lembrar o desenho da "nossa época" é apenas nostalgia, admiro mesmo é quem consegue achar graça nos desenhos de hoje. Infelizmente, eu tenho dificuldades de ver os desenhos de hoje, aqueles que confundem inocência com idiotice. Lembro de desenhos como Smurfs, Caverna do Dragão, Superamigos e He-Man que eram, antes de tudo, lições. Depois disso, tivemos um período em que as crianças foram "adultizadas" encantadas pela violência, que na minha época era só na seção coruja. Os desenhos japoneses criaram uma atmosfera de fantasia... O que viria depois?? Teletubbies! Quando eu achei que não podia ficar pior, ficou! Mas não vou citar nome de desenhos para não ferir suscetibilidade, no entanto, acredite, eu vejo uma luz no fim do túnel. Espero que não seja um trem na contramão. Penso que depois da idiotização, a evolução natural será a infantilização, talvez um pouco mais tarde... Mas ela virá. Quem sabe, daqui há um tempo, ser idiota vai deixar de ser fofo e será somente Idiota. Por favor, não confundam ser idiota com ser criança, este último é uma virtude... das mais bonitas!

Bjos e desculpem a bronca!

4 Participações especiais:

nelson disse...

o bruxo torcia pelo gargamel e pelo vingador.

Lucas disse...

o problema não está em ver tais desenhos. As vezes nesses dias de caça e caçador, o melhor e dar uma boa risada com o desenho mais idiota possivel, mas conciente de que se trata do desenho mais idiota possivel.

Lucas disse...

o problema não está em ver tais desenhos. As vezes nesses dias de caça e caçador, o melhor e dar uma boa risada com o desenho mais idiota possivel, mas conciente de que se trata do desenho mais idiota possivel.

Lucas disse...

o problema não está em ver tais desenhos. As vezes nesses dias de caça e caçador, o melhor e dar uma boa risada com o desenho mais idiota possivel, mas conciente de que se trata do desenho mais idiota possivel. de tudo, se pode tirar algo bom!